Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]





contador de visitas online


DESTA VEZ NAO VOU CEDER

por sopa-de-letras, em 25.02.17

Nao  ...nao vou ceder a esta minha necessidade de estar em paz e harmonia com toda a gente.

Nao vou ceder a esta minha quase necessidade de ...me prejudicar so para parecer bem aos outros.

Nao vou ceder.

Quem nao quiser entender-me...que nao me entenda.

Ja comi o pao que o diabo amassou, e as lagrimas que chorei, ninguem as chorou por mim.

Tenho plena consciencia do quanto a vida `e efemere.

A propria vida me ensinou, me mostrou, marcando o meu coracao a ferro e fogo, levando pessoas que muito amo.

Sinto que tenho a obrigacao de ser feliz.

Ja cumpri as minhas obrigacoes.

Ja fui filha, ja fui esposa, ja fui mae, ja fui companheira, trabalho desde os 15 anos e continuo, nunca quis ser parasita de ninguem. Cumpri sempre as minhas obrigacoes, muitas vezes em detrimento do meu bem estar.

Lamento...quem nao me aceitar...tera que falar com a sua propria consciencia, e nao precisa nem incomodar-se a ser simpatico comigo.

Eu sigo e sempre seguirei a voz do meu coracao.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 06:52

mytaste.pt


2 comentários

De joaquenito a 17.03.2017 às 13:47

Magnífica atitude.Mais do que acreditar que a conseguirá levar em frente,desejo que o consiga.
Nada me faz duvidar,pelo que jugo conhecer da amiga Maria,mas apenas encalho nesta minha mania velha das analogias.E porquê ? Porque tenho por observação e experiência,que essa obsessiva doença,cujo principal sintoma é a "necessidade de estar em paz e harmonia com toda a gente",não tem cura fácil.Digo-o por mim,que me sinto afectado e não vejo que a eventual cura,me possa trazer o direito,sequer,quanto mais a obrigação de ser feliz.No entanto,se essa é vontade da amiga,espero que a determinação não esmoreça e lhe permita caminhar,com essa força interior que demonstra e ,pouco lhe custará ser feliz .
Gostei desta sua "Sopa de Letras"...

De sopa-de-letras a 27.03.2017 às 13:24

Meu amigo, muito obrigada pela sua visita.
Por vezes, `e preciso que ultrapassemos as nossas proprias conviccoes, se tanto for necessario para alcancar momentos de felicidade. Nao `e facil, mas vale a pena. Nesta fase do campeonato, ja posso contar-lhe ( em segredo), que os momentos de magia que ando vivendo, ja valeram cada passo que dei; se hoje o mundo terminasse, para mim, nao levaria comigo nem um milimetro de arrependimento. Alguma coisa a gente ha-de aprender na porra da vida, amigo Joaquim. Um beijinho

Comentar post




Síguenos en Twitter

Siguenos en Facebook


contador de visitas